Andriete Le Secq é uma fotógrafa de moda, retrato, still e fine-art nude.
A qualidade mais convincente de Andriete é a capacidade de colorir suas imagens com fortes elementos de romantismo, fantasia e uma pitada de escuridão que tinge seu trabalho. Seu estilo único definiu seu trabalho desde que pegou sua primeira câmera quando ela era uma adolescente, quando  começou a experimentar com auto-retratos e temas de fantasia que ela continua a desenvolver e aperfeiçoar até hoje.
Ela diz, que teve a sorte de descobrir o seu interesse em fotografia muito cedo. Desde então,  tem trabalhado no sentido de definir o seu próprio estilo, aprimorando suas habilidades e expandindo seu negócio, o que lhe permitiu viajar pelo mundo, compartilhando sua visão e experiências com uma audiência internacional. Ela começou por fotografar concertos de música e fotografia da fine-art no Brasil, antes da sua  transição para o mundo, em constante mudança, da fotografia de moda.
25 anos atrás, ela começou seu próprio negócio de fotografia e logo encontrou-se fotografando para retratos, moda, publicidade e concertos musicais. No entanto, ela estava ansiosa para crescer como artista e estender o seu negócio a nível internacional, de modo que ela se mudou para a Europa  para se conectar com os criativos na indústria da fotografia e ampliar seus limites.
Ela é influenciada pelo estilo de passado e presente. Sempre que fotografa ela gosta de criar histórias com um sentido subjacente da narrativa, tanto no seu  trabalho pessoal, campanhas comerciais ou projetos editoriais. Ela é profundamente inspirada pelo cinema (especialmente   filmes noir), velhos mestres da pintura e da fotografia, romantismo e beleza intocada. Todas as suas experiências na vida até agora têm sido refletida através de seu imaginário, e continuam a moldar sua personalidade, e sua arte.
(Escrito por Jean-François Chevrier)
_______________________________________________
Andriete Le Secq is a fashion, portrait, still and fine art photographer.
Andriete's most compelling quality is the ability to colour her images with strong elements of romanticism, fantasy and a hint of darkness that tints her work. Her unique style has defined her work since picking up her first camera when she was a teenager, when she first started experimenting with self-portraiture and themes of fantasy which she continues to develop and refine today.
She says, she was fortunate enough to discover her interest in photography very earlier; ever since then, she has worked towards defining her own style, honing her skills, and expanding her business, which has enabled her to travel the world, sharing her vision and experiences with an international audience. She began by shooting music concerts and conceptual photography in Brazil, before she transitioned into the ever-changing world of fashion photography.
25 years ago, she started her own photography business and soon found herself shooting for portrait clients, book and magazine publishers and music events. However, she was eager to grow as an artist and extend her business internationally, so she moved to Europe to connect with creatives in the photography industry and push my boundaries as a photographer.
She is influenced by past and present style; whenever she shoot she likes to create stories with an underlying sense of narrative, whether this is in her personal work, commercial campaigns or editorial projects. She is deeply inspired by elements of influential style, film noir, old masters in painting and photography, Romanticism and untouched beauty. All of her experiences in life thus far have been reflected through her imagery, and continue to shape her personality, and her art.
(writen by Jean-François Chevrier)
Back to Top